fbpx

Experiência de compra – fidelize e crie defensores da sua marca

maquina de vendas
Máquina de vendas – tenha previsibilidade
29/09/2018
métricas de marketing
Métricas de Marketing – O que não é medido, não pode ser melhorado
10/10/2018

Experiência de compra – fidelize e crie defensores da sua marca

marketing de conteúdo para e-commerce

marketing de conteúdo para e-commerce

 

Proporcione uma positiva experiência de compra a seu cliente e o fidelize!

Exigência. Se pudesse ser definida com base em apenas uma de suas características, o perfil do consumidor atual (de forma generalizada, é bem verdade) não poderia ser descrito de outro modo que não exigente.

Exigência, nesse caso, em tudo tem a ver com a experiência que um determinado cliente pretende obter em sua compra.

Ou seja, em pleno ano de 2018, não basta que sua empresa ofereça apenas qualificados produtos e/ou serviços a seus clientes.

É necessário ir além e, também por conta disso, você precisa compreender que passar a ofertar uma positiva vivência ao seu consumidor deixou de ser perfumaria para se apresentar como um elemento-chave em suas comercializações.

A ascensão das redes sociais

Não há como negar que, antes mesmo de ser exigente, seu consumidor/cliente se muniu – e continua se abastecendo – com as mais relevantes informações a respeito dos seus prediletos produtos e/ou serviços.

E, como é de se imaginar, boa parte dessa característica tem seu apoio nas redes sociais.

A partir de suas reais ascensões, as mídias virtuais passaram a divulgar uma extensa lista de fatores capazes de determinar o que constrói (e o que não o faz) uma positiva experiência de compra.

Resta às empresas, então, se adequar a essa nova configuração do mercado e, ao invés de perder clientes, fidelizar os atuais e mais assíduos.

Em termos de porcentagens, estudos recentes apontaram que, na prática, cerca de 80% dos consumidores afirmam que ter uma positiva experiência de compra é tão essencial quanto adquirir um produto e/ou serviço de qualidade.

Por outro lado, quase 27% das pessoas deixam de investir em uma marca a partir do momento em que ela lhes proporciona uma experiência ruim.

Entenda a fase da jornada de compra de seu cliente

Um dos erros mais clássicos e que melhor pode ser capaz de prejudicar o posicionamento mercadológico de uma determinada instituição (independentemente de ela pertencer ao varejo ou ao atacado) trata do não-entendimento da etapa da jornada de compra em que seu cliente está.

Em termos de exemplos, o consumidor não pode ser abordado de maneira absolutamente intensa (como através do popular bombardeio de e-mails e promoções, por exemplo) se ele ainda estiver nas etapas de conhecimento e atribuição de valor à sua marca.

Nesse contexto, também cabe ressaltar que, na maioria dos casos, “menos é mais”.

Até de acordo com o que preveem os conceitos de Inbound Marketing, é também nesse tipo de abordagem que, no campo prático, você deve permitir que o próprio cliente vá ao encontro de seu produto e/ou serviço.

Através de uma relação mais natural (leia-se não-forçada), a tendência é a de que seu produto ganhe um mercado cada vez mais amplo e, consequentemente, sua empresa também passe a se posicionar de uma maneira mais qualificada perante a concorrência.

Perspectivas de futuro

Muitas empresas deixaram de fidelizar clientes por justamente desconsiderarem alguns aspectos que, atualmente, são imprescindíveis em termos mercadológicos – como a própria experiência de compra, por exemplo.

Por conta disso, ter perspectivas reais e racionais quanto ao futuro de seu negócio pode ser algo capaz de, a longo prazo, trazer extensos benefícios para o dia a dia de sua instituição.

Nesse cenário, também cabe salientar a respeito da importância dos e-commerces. Através deles, sua corporação pode contar com um destaque positivo também no segmento virtual e, com isso, seus produtos e/ou serviços poderão ser conhecidos por mais pessoas.

Nesse sentido, o “posicionamento mercadológico nu e cru” deve ser semelhante ao que é praticado no campo real.

Isto é, para que você seja visto da melhor forma em varejos e atacados, é imprescindível que seu produto seja colocado em destaque.

Ao longo dos e-commerces, como não poderia deixar de ser, a mesma regra se aplica. Se procurar investir nessa plataforma (o que é altamente indicado), conduza a situação de tal modo para que o seu produto permaneça em proeminência.

Após o cumprimento de todas essas fases, passará a ser natural que sua empresa seja melhor reconhecida, melhor avaliada e, de maneira ainda mais positiva, é também através desse caminho que você poderá começar a oferecer uma experiência de ponta ao seu cliente parceiro.

Tecnologia

Além das redes sociais, existem outros métodos e métricas capazes de definir em que pontos a sua empresa é bem ranqueada e nos demais em que, na visão de seus clientes, ela deixa a desejar.

Um dos principais deles, inclusive, é representado pelo CRM (de sigla inglesa Customer Relationship Management).

No campo prático, é justamente essa a plataforma que se responsabiliza por cruzar as atividades de compra de cada um de seus clientes.

Com isso, você passará a contar com alternativas capazes de melhorar suas experiências de acordo com as suas reais predileções.

Nesse quesito, alguns insights podem, sem qualquer tipo de restrição, basear o momento da jornada de compra de seus compradores mais assíduos. Confira alguns deles:

  • Personalização caso a caso;
  • Antecipação de compras futuras;
  • Diminuição de preços;
  • Mensuração de perfil/identidade.

Após a realização de todos esses ajustes, proporcionar uma experiência de compra de ponta para o seu cliente passará a ser mais recorrente do que você mesmo imagina.

O problema da acomodação

Embora todas essas dicas sejam mais do que simplesmente úteis para que o oferecimento da mais positiva experiência de compra aos seus clientes parceiros seja constante, não se pode acomodar.

Por mais que um ou outro insight tenha obtido resultados positivos, você precisa entender que, ao longo de uma jornada de compra, o ciclo se renova de tempos em tempos.

Sendo assim, você não pode deixar de atender a todos os pré-requisitos demandados por seus parceiros.

A partir do momento em que esse alinhamento se detalha por completo, você perceberá que passará a ser natural que seu negócio se consolide e se destaque, no melhor dos significados do termo, da concorrência.

Se você busca crescimento para sua empresa e acredita que isso deve ser tarefa de um todo da empresa e não somente do marketing e vendas, convido você a conhecer as nossas soluções onde trabalhamos todas as etapas do funil pirata:

  • Aquisição
  • Ativação
  • Retenção
  • Referência
  • Receita.

Entre em contato com nossos consultores no botão abaixo e entenda nossas soluções!

 

 
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *